Ghost Writer

4 03 2011

Quando li as primeiras críticas sobre Escritor Fantasma, de 2010, do Roman Polasnki, só vi porradas de todos os lados. chamaram o filme de thriller mal feito, e coisas piores. Bem, ledo engano desses babacas, que não perceberam quão grande o filme é. Ótima trama, ritmo cadenciado, tensão crescente e boas atuações. Com um protagonista interessante – o Ghostwriter Ewan McGregor -, que, ao mesmo tempo em que é curioso, não tem as ambições de um jornalista, o que o possibilita ir a fundo da sujeira na qual se meteu. O filme tem todos os elementos que um thriller dessa natureza: tensão, suspense, um pouco de sexo, sedução, uma ótima trilha sonora e, claro, reviravoltas. Além disso, um filme que tem uma perseguição na qual o fator que aumenta a tensão é um GPS merece todo o respeito devido. E pensar que, ao lado de Ilha do Medo, esse filme foi completamente esquecido pelas premiações americanas…

“Escritor Fantasma” – Muito Bom


Ações

Information

2 responses

4 03 2011
@jota66

Ah, cara, naõ digo que o filme é rium, como os críticos, mas o fial eu achei bem fraco. O “grande enigma” registrado nas iniciais dos capítulos da biografia do figurão foi algo bem cafona, na real. A cena do Insight que originou a descoberta parece aqueles momentos em que o House descobre como curar seus pacientes, manja?
De fato , o lance do GPS é bem legal, e faz tempo que eu ví, posso estar sendo injusto, mas a sequência do cara no pc descobrindo os segredos da conspiração é bem chatinha. A do Ferryboat também. Não é ruim, mas, perto de ilha do Medo, o Escritos Fantasma fica devendo muito.

4 03 2011
hqsubversiva

Grande Jota, boa surpresa vê-lo por aqui!
Então, respeitosamente discordo. Achei as “sacadas” do roteiro legais até, porque não acho que Polanski queira revolucionar o gênero. Ou seja, fez um bom filme do gênero, sem necessariamente querer marcar história. E colocá-lo ao lado de Ilha do Medo não necessariamente o compara ao grande filme do Scorcese, mas com certeza o credencia como melhor diretor que uns zé-roelas que estão em voga hoje em dia…
E não seja injusto! A cena do bilhetinho que vai de mão em mão até seu destino, e depois o McGregor brindando é coisa de gente grande, de cara foda!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s




%d bloggers like this: